Governo Provincial do Bié
Sociedade

Polícia tem um novo projecto de segurança


Orlando Bernardo que falava à margem da abertura do seminário sobre " Cidadania e Segurança", que durante três dias vai decorrer num dos hipermercados da capital, garantiu que as esquadras da Policia Nacional vão deixar de ser locais onde todos os cidadãos têm medo de frequentar. 



O director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Comando Geral da Polícia Nacional explicou que para melhorar o atendimento dos cidadãos que procuram ajuda da corporação, as esquadras estão a ser preparadas como espaços abertos, onde os utentes deverão sentir-se mais incentivados a procurarem estes serviços. 



"A Polícia Nacional percebeu que tem que mudar o modelo, no que diz respeito à compreensão dos fenómenos sociais", disse Orlando Bernardo, encorajando os cidadãos a denunciarem qualquer acto criminoso que tiverem conhecimento. 



Orlando Bernardo reconheceu que tal como os civis, os polícias também têm problemas de má formação e compreensão.



"É uma obrigação da corporação criar premissas para que o próximo cidadão que ingressar nesse órgão castrense deixe estes males", disse.



 O director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Comando Geral da Polícia Nacional reconheceu que a violência policial é um dos grandes problemas que a corporação enfrenta nos últimos tempos, justificando que a mesma está relacionada com a formação que tiveram no passado, nas Forças Armadas Angolanas (FAA). 



Disse que 80 por cento dos efectivos da Polícia Nacional são provenientes das FAA. Orlando Bernardo disse que um efectivo que vem das FAA é diferente de um da Ordem Pública." Logo, mudar estes de uma só vez não é fácil”.



Jornal de Angola